Vila Primeira da Ilha do Pico. Vila baleeira dos Açores. Mar e Terra cruzam-se numa História de 500 anos.

28
Mar 06
Agora que o mar sossegou, por ora, olhemos para o interior da Vila. Dois edifícios públicos, ao que parece, estão concluídos. O Jardim de Infância foi inaugurado o ano passado, mas está fechado. Porquê? A nova sede da Junta de Freguesia -um projecto interessante e bem enquadrado - parece estar pronta, ou estão à espera do mobiliário para inaugurá-la? Quem dá uma explicação aos lajenses? Os responsáveis desta terra têm a obrigação de informar os cidadãos sobre a sua actividade e como são gastos os dinheiros públicos. Ainda não perceberam isto?

veja imagens em: http://lajes.blogspot.com
publicado por sim às 21:26

27
Mar 06
Durante os últimos dias, em que as Lajes esteve envolvida em maresia, não se viu nenhuma acção da protecção civil, nem da Câmara Municipal.
Foi possível andar por todo o lado, mesmo correndo riscos, sem que ninguém delimitasse qualquer área.
Os bombeiros, não se viram em nenhum lado, nem para sossegar as pessoas que, entretanto, passaram a acreditam nos benefícios da nova muralha.
Os responsáveis camarários deixaram para 2ª feira a limpeza dos pedregulhos na pesqueira.
Com instituições assim, não há protecção nem planos que resistam.
Os cidadãos é que têm de contar consigo próprios na salvaguarda dos seus haveres.
Atitudes a rever.

Ver fotos em http://lajes.blogspot.com
publicado por sim às 09:34

17
Mar 06
O último temporal, se bem que tenha sido inferior ao do ano passado, provou que a incompleta muralha de defesa, já cumpriu e bem, a sua função.
Os lajenses estavam receosos para saber o comportamento da muralha, mas ficaram descansados e crentes. Afinal, os testes laboratoriais e o projecto do Governo acertaram em cheio. E ainda falta prolongar a cortina de defesa da Vila.
É um benefício que irá constituir uma mais -valia para o desenvolvimento da Vila.
E ainda falta o núcleo de recreio náutico.
Queiram a autarquia e os empresários apostar no desenvolvimento das Lajes.
Felizmente, o Governo cumpriu a palavra.
Cumpra o Município também com a sua imprescindível quota parte no processo de desenvolvimento.
publicado por sim às 21:37

15
Mar 06

A empresa Transmaçor vai praticar tarifas entre 18 euros e 102 euros nas ligações marítimas inter ilhas, conforme o tarifário de referência estipulado pelo caderno de encargos.
Para as crianças até cinco anos a tarifa é gratuita e a faixa etária dos seis aos doze anos paga metade do bilhete.
Relativamente às ligações que envolvem a ilha de São Miguel, pode dizer-se que o tarifário de referência a praticar pela Transmaçor oscilará entre 51 euros (Ponta Delgada/Vila do Porto) e 96 euros (Ponta Delgada/Lajes das Flores).
Já uma visita à Semana do Mar (Horta) custará 91 euros, o mesmo que uma ida à Semana dos Baleeiros.
Idêntico tarifário deverá ser aplicado para Velas (São Jorge) e Vila da Praia (Graciosa).
Para a Terceira- Praia da Vitória - uma passagem custará 91 euros.
A ligação mais cara verifica-se entre Vila do Porto/Lajes das Flores e vai atingir 102 euros.
A ligação mais barata, entre Velas de São Jorge e São Roque do Pico, custará 18 euros.
Uma ligação Ponta Delgada/Vila do Porto custará via marítima 51 euros, um valor que sobe para 111 euros via aérea (actual tarifa residente e com taxas).
Se for turista, então a tarifa da transportadora aérea regional SATA atinge 127 euros.
Nas ligações entre Ponta Delgada/Horta, PDL/Pico as diferenças são superiores.
Assim, via marítima pagará 91 euros, ao passo que via aérea custa 163 euros (residente) e 191 euros (turistas).

(baseada em notícia do Açor.Oriental)
publicado por sim às 22:47

12
Mar 06
Ninguém sabe. Há cerca de um mês perguntámos o que pretendia a Câmara ali remodelar, após o lastimoso remendo feito no Largo de entrada de Vila. Não houve resposta. Parece que os autarcas concelhios fazem o que lhes dá na real gana, sem ouvir a população. Depois saem os "abortos" que se viu e que todos, durante a Semana dos Baleeiros, condenaram. Mas afinal não tem a Câmara arquitectos? E os que tem não apresentam projectos aceitáveis? Será que se vai fazer ali um coreto? Um jardim? um parque de diversões? Temos direito de saber o que estão a fazer naquele espaço. A Câmara, que tem uma página autárquica no Dever, divulgue o projecto, para que possamos avaliar da bondade da remodelação do Cruzeiro. Ou tem receio da contestação? A democracia é participação cívica. Não é autocracia dos eleitos democraticamente.A isso chama-se ditadura.

Veja imagens em:
http://lajes.blogspot.com
publicado por sim às 22:33

10
Mar 06

O lançamento da edição multimédia (CD-ROM) dos Inventários do Património Imóvel dos Concelhos da Ilha do Pico tem lugar dia 11 de Março, pelas 18H00, no auditório do Museu dos Baleeiros, nas Lajes.
Toda a informação do Inventário do Património Imóvel da Ilha do Pico constante de três livros publicados (concelhos de São Roque, Madalena e Lajes do Pico) fica agora reunida e acessível num único CD-ROM.
O CD-ROM, - uma edição da direcção regional da Cultura e do Instituto Açoriano de Cultura (IAC) -, permite o acesso rápido e fácil a esta informação, inclusivamente navegar a partir de um base cartográfica da ilha e descer ao pormenor de cada um dos casos inventariados, identificando o seu local preciso de implantação no terreno.
Paralelamente ao lançamento, o IAC apresenta o site do Inventário do Património Imóvel dos Açores (www.inventario.iacultura.pt), com uma nova imagem e organização, aproximando a imagem do site à do CD-ROM.
Oxalá os cidadãos e os responsáveis locais e regionais conheçam e preservem estas memórias da nossa história colectiva.
publicado por sim às 11:34

08
Mar 06
Luis Melo, do Clube Desportivo Escolar das Lajes, no Campeonato Nacional de lançamentos de Inverno, disputado em Lisboa, bateu dois records regionais. No lançamento de peso alcançou a marca de 15,15, sagrando-se vice-campeão nacional, lugar também atingido no lançamento do disco, com o novo record regional de 41,77.
Parabéns, Luís e esta é a prova de que mesmo sem estruturas desportivas satisfatórias, quem quer, e com esforço, é um campeão!
Está a ser construído o novo campo de futebol das Lajes. Estará pronto dentro de meses.
Acaso dirigentes do C.D.Lajense e responsáveis municipais já se sentaram à mesa para discutir e delinear estratégias e metas para desenvolver o futebol local e o Lajense em particular?
Será que os seus dirigentes têm ambições de voltarem à Série Açores? Com que gestão e meios financeiros? Com que equipa técnica e com que atletas? Vai mudar alguma coisa nas camadas de formação do clube?
Ou será que estão a deixar tudo para o dia da inauguração do campo sintético que a Câmara diz ser o melhor da ilha, para depois voltar a dizer-se que é preciso mais isto e mais aquilo?
Agora é que se começa a planificar, para que as vitórias e os sucessos tenham sustentação e não haja mais o sobe-e-desce nem os "delírios" financeiros de outros tempos.
Que pensam os Lajenses de tudo isto?
Venham sugestões e o debate.
publicado por sim às 21:13

03
Mar 06
Eu defendo que o novo edifício deve ser construído à saída do ramal da Vila, em terrenos próximos da zona industrial. Porquê?

1-É uma zona de possível expansão urbana, que fica próxima da vila.

2-Há terrenos bons e suficientes para a sua implantação.

3-A zona dos Biscoitos, Ribeira do Meio, foi uma das mais afectadas pelo sismo de 98 e fica muito afastada de tudo (O exemplo da escola de São Roque, longe de tudo, não deve repetir-se).

4-O assunto deve ser discutido e debatido pela população e não compete aos políticos decidirem sozinhos, até porque primeiro vai ampliar-se a escola existente.

5- A propósito e já agora: as obras de protecção da Vila não vão beneficiar e proteger também a zona da maré e, consequentemente, a nova escola?

6-Falta-lhe um recinto desportivo coberto? por que não aproveitar o antigo campo de futebol e no futuro complexo lúdico e ajardinado integrar essa estrutura?

Com a liberdade de expressão revelada na discussão do último tema, diga da sua justiça.

Pode aceder ao blog também neste endereço: http://lajes.blogspot.com/
publicado por sim às 23:55

Março 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
blogs SAPO